hellocidades hellorecife

O lado nerd de Recife


Escrito por Abril BrandedContent

Fãs do universo geek comemoram aumento no número de opções na capital pernambucana

Foto: Hesíodo Góes/Seturel PE. Legenda: Em abril, primeira edição da Comic Con Experience no Nordeste recebeu 54 mil pessoas.

Quadrinhos, séries, jogos, super-heróis, RPG, cinema e tecnologia – o mundo nerd é amplo, pop e tem cada vez mais adeptos na capital pernambucana. Mas, até cinco anos atrás, podia ser bem difícil para um fã ter qualquer contato fora da internet com a obra de seus ídolos, e também com outras pessoas de gostos parecidos. Agora, o Recife já pode oferecer ao público feiras especializadas, eventos de tecnologia e até bares temáticos.

Além de agradar os nerds, essas opções de lazer e entretenimento também são ótimas oportunidades para outras pessoas conhecerem o vasto mundo geek. Dessa forma, qualquer um pode aproveitar o que a cidade tem de novo para oferecer, de acordo com as sugestões do #hellocidades, o projeto da Motorola que reconecta pessoas e os lugares onde vivem.

Em abril deste ano, a capital pernambucana recebeu a sua primeira feira nerd de grande porte, a Comic Con Experience Tour Nordeste, que saiu de São Paulo pela primeira vez, já de olho na força do público do Recife. A feira durou quatro dias e, entre as atrações, trouxe cerca de 200 quadrinistas nacionais e internacionais. A edição Nordeste da CCXP recebeu cerca de 54 mil pessoas. A confeiteira Jessica Pires, 31 anos, nerd assumida, foi uma delas. “Fui em todas as edições de São Paulo e na do Recife. Vi o evento ficar cada vez maior, mais organizado e com mais atrações legais e conteúdo exclusivo, é sempre muito feliz estar numa CCXP”, diz.

O evento foi tão aguardado pelo público nerd que até quem não estava lá, foi. O oficial da Marinha Mercante, Rafael Yuri Bueno, 30 anos, fã de quadrinhos, games, cinema e séries, garantiu o ingresso da feira, mas um compromisso de última hora o impediu de ir – o que não foi exatamente um problema.

“Tive que cancelar minha visita à CCXP Tour Nordeste, mas minha esposa, Camila Medeiros, foi e me mandou várias fotos e vídeos, acabei curtindo um pouquinho. Ela conseguiu diversos autógrafos pra mim, como o de Glenn Fabry na capa da minha Preacher #1, os de Ivan Reis e Joe Prado na minha edição de Green Lanten by Geoff Johns, o de Bill Sienkiewicz em Demolidor e Elektra, e o de Shiko, no exemplar de Lavagem”, comemora.

Nerd o ano inteiro

Enquanto outra edição da Comic Con Experience não chega ao Recife, a vida social do público nerd não para. Prova disso é o sucesso dos estabelecimentos temáticos Gamerz Burguer (Avenida João de Barros, 1311) e Taverna BurgBeer (Rua Conselheiro Portela, 374).

O primeira foca nos vídeo games e personagens que foram sucesso nos anos 1980 e 1990, como é o caso da franquia Super Mario Bros. da Nintendo, dos Cavaleiros do Zodíaco e do anime Dragon Ball Z. Já a Taverna BurgBeer, novidade mais recente no segmento, inaugurada em setembro de 2017, aposta no universo dos jogos de tabuleiros e dos card games, com influências diretas do mundo do RPG (role-playing game), com suas criaturas fantásticas e dados de 20 faces. Para completar, a lanchonete tem até uma reprodução da Plataforma 9 ¾, que todo fã Harry Potter reconhece.

“Esses novos estabelecimentos que unem várias correntes nerds e geeks e misturam com comida e bares tendem a agregar e fidelizar mais clientes do que uma comic shop tradicional”, acredita Rafael Bueno. “Ao invés de só ter quadrinhos, você encontra estatuetas, pôsteres, camisas, canecas, jogos de tabuleiro para venda e para jogar, games, etc.”, diz. Isso sem contar a grande vantagem que é comer bem.

A analista de conteúdo e redatora do site Garotas Geeks Rany Ferraz aprova a movimentação no cenário. “Acho legal que existam lugares onde você possa comer e jogar ao mesmo tempo. Me divirto com os nomes criativos dos drinks e das comidas e espero que continuem abrindo mais lugares assim”, diz Rany. Para ela, ainda há muito espaço no Recife para bares, lanchonetes e eventos para nerds. Mas o fato de haver potencial ainda inexplorado na cidade não quer dizer que os fãs não comemorem o que já existe. “Tem muito mais opção do que quando eu era criança ou adolescente”, avalia Rany.

É fanboy ou fangirl do universo geek e ainda não conheceu os bares temáticos? Quando for por lá, não se esqueca de tirar uma selfie com os amigos e usar a hashtag #hellocidades. Reconecte-se com o Recife e suas novidades através do hellomoto.com.br.

 

POSTS RELACIONADOS

hellocidades
hellorio

Bons de garfo: os cariocas que estão criando uma nova gastronomia