experiênciasmoto

Evolução tela a tela


Escrito por Motorola

Uma pequena história de como os displays dos smartphones evoluíram nos últimos anos

Há pouco mais de 20 anos, a telefonia móvel começava a se popularizar pelo mundo. Os primeiros aparelhos amplamente comercializados contavam com um pequeno display de duas cores em que se via pouca coisa além dos números discados.

De lá para cá, além da evolução dos dispositivos, acompanhamos uma grande mudança no que diz respeito às telas dos aparelhos. Além de se tornarem inteligentes, os telefones ganharam displays sensíveis ao toque, com milhares de cores, pixels e medidas diferentes.

Para contar um pouco sobre os avanços e melhorias das telas Motorola, fizemos esse pequeno retrospecto dos aparelhos da nossa linha mais popular: a família moto g. Confira.

Antes de começar, você sabe o que são pixels?

A palavra pixel se origina da união de picture (imagem) e element (elemento). Numa tradução literal, pixel significa elemento da imagem. Na prática, eles são a menor ponto de uma imagem. Quando você vê uma foto que acabou de tirar, está na verdade enxergando milhares de pixels de cores diferentes que formam a imagem capturada.

Resolução de tela

A resolução de tela é outro dado importante para avaliar a qualidade de imagem produzida pelo smartphone. Ela é mensurada por meio de uma equação que define a quantidade de pixels que há na largura do display multiplicado pelo número de pixels que formam sua altura.

Por exemplo, uma tela HD (high definition ou alta definição) conta com 1289 x 720 pixels. Já uma tela full HD tem uma resolução ainda maior: 1920 x 1080 pixels. O aumento dessa medida se dá para que possamos usar uma tela maior sem perder sua definição.

A imagem nas 1ªs gerações do moto g

O primeiro modelo do moto g chegou ao mercado com uma tela que ajudou a revolucionar o formato do display à época. Com 4.5 polegadas, o moto g1 tinha resolução de 720×1280 com alta densidade de pixels. Dessa forma, o então novo smartphone da Motorola garantia ótimas imagens aos seus usuários.

A 2ª geração da família moto g trouxe uma tela maior, com 5 polegadas. Com 16 milhões de cores, o display do moto g2 manteve a resolução de 720 x 1280 pixels com uma densidade menor de pixels: 294 PPI.

A 3ª geração do moto g manteve os padrões e medidas de tela da geração anterior.

A tela nas gerações atuais

Ao ser lançado, o moto g4 atualizou o formato das telas da família moto g. Com 5,5 polegadas, o aparelho também conta com resolução maior: 1080 x 1920 pixels. Em relação à densidade dos pixels, o smartphone trouxe um aumento considerável, de 294 PPI da geração anterior para 401 PPI.

Com display um pouco menor (5 polegadas), o moto g5 manteve a resolução de 1080 x 1920 e trouxe uma densidade ainda maior de pixels: 441 PPI. O modelo comprova a intenção da Motorola de oferecer uma tela de grande definição mesmo em aparelhos com o display menor.

O moto g5 plus e o moto g5s chegaram ao mercado com a mesma resolução de tela. Com a medida de 5,2 polegadas, os smartphones contam com densidade de pixel de 424 PPI, proporcionando uma grande nitidez de cores e detalhes brilhantes. Já o moto g5s plus repetiu a ótima configuração do moto g4, com uma tela de alta resolução de 5,5 polegadas.

moto g6 e as novas telas Motorola

Mais recente lançamento da Motorola, a sexta geração da família moto g apresenta telas maiores, com proporção de 18:9, que vão maximizar a experiência dos usuários com conteúdos em vídeo. Para saber como aproveitar o melhor dessa nova tecnologia, leia nosso texto especial sobre a nova tela Max Vision

Agora que você conhece a linha evolutiva das telas da família moto g, fica mais fácil saber quais especificações preferir na hora de adquirir seu novo Motorola. Com certeza você estará escolhendo um smartphone com uma excelente tela.

POSTS RELACIONADOS

motostyle
social

O fenômeno Pokémon Go chegou ao Brasil

experiênciasmoto

Longe no Natal? Dê um Hello a distância!