motostyle
motolovers

Poetas Analfabetos do Sertão do Pajeú


Escrito por Motorola

O pernambucano Jefferson Sousa, natural de Itapetim, cresceu em meio a cultura da região conhecida como “ventre imortal da poesia”. Quando se formou em jornalismo, despertou a vontade de registrar esse verdadeiro patrimônio imaterial da sua terra em um mini-doc.

Realizou o seu primeiro curta documentário, Poetas Analfabetos do Sertão do Pajeú“, de maneira totalmente despretensiosa, disponibilizando no YouTube em 2017. Logo, bombou de visualizações e compartilhamentos. A resposta tão positiva levou à produção do segundo mini-doc, “Leonardo Bastião – o poeta analfabeto“, lançado neste ano. O filme gira em torno da figura humilde do poeta e agricultor de 74 anos. “Ele nunca aprendeu a ler e nem escrever, mas consegue fazer longos versos com conteúdo denso e todas as linhas com sílabas metrificadas”, conta Jefferson.

Imagens da filmagem de Leonardo Bastião - o poeta analfabeto (Divulgação)
Imagens da filmagem de Leonardo Bastião – o poeta analfabeto (Divulgação)

 

O jornalista e cineasta produziu seus dois curtas documentários de maneira independente. O seu segundo filme, que contém cenas gravadas com um moto g6 play, acaba de ser premiado no Festival Internacional de Cinema de Mumbai, na Índia, na categoria de melhor edição e a sua obra ainda estará presente em mais três festivais internacionais. “Leonardo Bastião – o poeta analfabeto” foi o único filme brasileiro a entrar na Seleção Oficial do Viva Film Festival 2019, na Bósnia e Herzegovina, um dos maiores festivais de cinema do sudeste europeu (região dos Bálcãs). Além deste, integra a seleção oficial do XXIII International Ecological Film Festival To Save And Preserve, da Rússia, e o Lift-Off Global Network UK, do Reino Unido.

 

 

Veja o trailer oficial do filme. Dê o play:

 

Desejamos muito sucesso ao nosso motolover cineasta!

POSTS RELACIONADOS

hellocidades
hellobh

Campus Party em BH: uma maratona de tecnologia e inovação