experiênciasmoto
roteiro moto

Roteiro Moto: arte pelo metrô de São Paulo


Escrito por Motorola

O metrô paulista está cheio de arte e cultura, basta dar uma paradinha para olhar

Grafites, lambes, esculturas…A arte faz parte da capital paulistana e está presente em diversos lugares da cidade. O metrô de São Paulo, por exemplo, é uma verdadeira galeria pública com mais de 90 obras exposta nas suas linhas.

Nós do Hello Moto andamos por algumas estações e fotografamos, com o novo motorola one, as obras de arte que encontramos pelo caminho, confira abaixo!

Consolação – Quatro Estações de Tomie Ohtake

A obra Quatro Estações de Tomie Ohtake é uma das que mais chama a atenção dos usuários, pois, diferentemente de outras obras, ela se encontra em cima dos trilhos da estação Consolação da Linha 2 Verde, no sentido de quem vai para a Vila Prudente.

Quatro Estações de Tomie Ohtake, registrado com um motorola one.
Quatro Estações de Tomie Ohtake, registrado com um motorola one.

A obra é constituída de quatro painéis que representam cada uma das estações do ano, verão, inverno, outono e primavera. Com pastilhas predominantemente vermelhas, azuis, amarelas e verdes, os mosaicos criam uma forma abstrata que lembram ondas.

Abaixo você pode conferir uma foto de cada uma dos painéis, onde aplicamos o efeito cor em destaque da câmera inteligente do motorola one.

Clínicas – Jogo de Dados de Geraldo de Barros

Falando em formas abstratas, na estação Clínicas, ainda na Linha 2 Verde, assim que passamos a catraca é possível ver a obra Jogo de Dados de Geraldo de Barros. A obra de 1991, composta por três painéis, cria efeitos tridimensionais a partir de figuras geométricas bidimensionais.

Jogo de Dados de Geraldo de Bastos, registrado com um motorola one.
Jogo de Dados de Geraldo de Bastos, registrado com um motorola one.

Fizemos um registro da obra utilizando o recurso time-lapse da câmera inteligente do motorola one, veja!

Sumaré –  Santuário Nossa Senhora de Fátima de Alex Flemming

A Linha 2 Verde também abriga outra obra de arte muito famosa, o Santuário

Nossa Senhora de Fátima de Alex Flemming, composto por 44 retratos em alto contraste impressos em placas de vidro em ambos os lados da estação sobrepostos por 20 poemas de autores brasileiros.

Santuário Nossa Senhora de Fátima de Alex Flemming, registrado com um motorola one.
Santuário Nossa Senhora de Fátima de Alex Flemming, registrado com um motorola one.

Nessa estação, nós utilizamos o efeito cinemagraph da câmera do motorola one para gerar uma interessante foto com partes em movimento, confira abaixo.

Paraíso – Raios de Sol, reprodução de obra de Odiléa Setti Toscano

Fazendo a transição da Linha 2 Verde para a Linha 1 Azul na estação Paraíso é possível ver uma reprodução da obra Raios de Sol de Odiléa Setti Toscano, feita por Cezar Roberto Olandim.

Raios de Sol, reprodução de Odiléa Setti Toscano, registrada com um motorola one.
Raios de Sol, reprodução de Odiléa Setti Toscano, registrada com um motorola one.

A pintura sobre concreto original teve que ser demolida em 2010 para a construção de um elevador para deficientes na estação, mas sua restauração seguiu os planos originais e foi supervisionada pela artista. Também utilizamos a câmera inteligente do motorola one para fazer um vídeo em time-lapse aqui, veja!

Sé –  Como Sempre Esteve, o Amanhã Está em Nossas Mãos de Mário Gruber Correia

Seguindo pela Linha 1 Azul, quem embarca na estação tem a oportunidade de apreciar a obra Como Sempre Esteve, o Amanhã Está em Nossas Mãos de Mário Gruber Correia, um mural de 50 metros quadrados e que demorou sete anos para ficar pronto.

Como Sempre Esteve, o Amanhã Está em Nossas Mãos de Mário Gruber Correia, registrado com um motorola one.
Como Sempre Esteve, o Amanhã Está em Nossas Mãos de Mário Gruber Correia, registrado com um motorola one.

Para conseguir fotografar o painel inteiro, tivemos que fazer uma foto panorâmica com o motorola one.

Tatuapé – Inter-relação entre o Campo e a Cidade de Aldemir Martins

Para finalizar, na Linha 3 Vermelha, outro grande mural desperta a atenção de quem passa. É a obra Inter-relação entre o Campo e a Cidade de Aldemir Martins, com ilustrações que misturam cenas típicas da vida no campo e na cidade feitas em cerâmica vitrificada.

Inter-relação entre o Campo e a Cidade de Aldemir Martins, registrado com um motorola one.
Inter-relação entre o Campo e a Cidade de Aldemir Martins, registrado com um motorola one.

Gostou? Veja mais conteúdo com esse na aba Arte aqui do Hello Moto.

POSTS RELACIONADOS

motostyle
geek

Zoe, a representante da Motorola no Missão AXN

motostyle
motolovers

Lançamento da nova família Moto G no Instituto Criar