motostyle
esportes

Fatos inusitados sobre os Jogos Olímpicos


Escrito por Motorola

Uma lista de acontecimentos inesperados que marcaram alguns Jogos Olímpicos.

Falta pouco tempo para os Jogos Olímpicos Rio 2016. O evento será realizado entre os dias 5 e 21 de agosto e as Paraolimpíadas acontecerão entre 7 e 18 de setembro. As Olimpíadas representam o ápice da carreira de um atleta, mas nem sempre as coisas saem como foram planejadas.

Mesmo com a grande organização e a seriedade do evento, de tempos em tempos acontecem alguns fatos inusitados. Resolvemos listar aqui alguns deles para você ficar por dentro desse lado engraçado dos Jogos Olímpicos. Veja abaixo.

–    Em 1904, o americano Fred Lorz venceu a maratona com uma tranquilidade inacreditável. A questão é que o segundo colocado não aparecia. Ao investigar a situação, os organizadores da prova descobriram que Fred havia pegado uma carona com um amigo e que, com isso, ele deixou de correr 18 quilômetros.

–    Patos no caminho. Pois foi isso mesmo que aconteceu em Amsterdã, no ano de 1928. Durante a prova de remo, o australiano Henry Pearce parou no meio da competição para não atropelar um família de patos que passava pelo local. O lado bom é que, mesmo assim, ele venceu a prova e faturou a medalha de ouro.

–    Todo mundo já teve aquele dia em que acordou superatrasado, né? Isso aconteceu com os velocistas Ray Robinson e Eddie Hayes, favoritos ao pódio em 1972. Por causa daqueles cinco minutinhos a mais, eles perderam a disputa da semifinal e foram eliminados.

–    Uma das imagens mais memoráveis dos Jogos Olímpicos de Sidney foi a do nadador Eric Moussambani, da Guiné Equatorial. Ele aprendeu a nadar apenas seis meses antes do evento e nunca havia competido em uma piscina olímpica. O resultado foi que ele quase se afogou e fez um tempo três vezes maior que os vencedores. Se na piscina ele fez feio, fora dela conquistou o público.

O nadador Eric Moussambani

–    Todo mundo adora assistir à disputa dos 100 metros rasos, as partidas de vôlei e futebol, mas que tal acompanhar o cabo de guerra, o levantamento de peso com uma mão, o tiro ao pombo e o voo livre de planador? Sim, todas essas modalidades já fizeram parte das Olimpíadas.

Todas essas histórias curiosas são bem interessantes, mas os brasileiros não passaram ilesos nos Jogos Olímpicos. Os dois casos de maior repercussão foram:

–    O sumiço do equipamento da saltadora Fabiana Murer, uma das favoritas para a prova. No final das contas, ela precisou usar um material não apropriado e acabou perdendo todas as chances de medalha.

–    E o fato inusitado mais famoso e mais lembrado pelos brasileiros envolve o corredor Vanderlei Cordeiro de Lima, em Atenas, nos Jogos de 2004. Quando o atleta estava prestes a cruzar a linha de chegada e ganhar a prova, um ex-padre, vestindo saiote, o segurou, impedindo que ele vencesse a prova. A cena rodou o mundo. Ao final, Vanderlei ficou com a medalha de bronze. Por seu espírito esportivo e humildade, o atleta recebeu a medalha Pierre de Coubertin, considerada uma grande honra atribuída pelo Comitê Olímpico Internacional.

Vanderlei Cordeiro de Lima no momento em que é atacado por ativista

Com a proximidade dos Jogos, fica a nossa torcida por grandes feitos por parte dos atletas e, se acontecer alguma gafe ou fato inusitado, que possamos rir de tudo isso.

POSTS RELACIONADOS

phonelifebalance

Hello you: como você usa seu smartphone sem internet?

motostyle
geek

As mulheres que revolucionaram a tecnologia