hellocidades
hellorio

Academia da AHLMA


Escrito por Motorola

Projeto prova que moda e sustentabilidade combinam

A indústria de moda é a segunda mais poluente do mundo, perdendo apenas para a do petróleo. Foi pensando nisso que o empresário André Carvalhal apresentou um projeto para o dono da marca Reserva, Rony Meisler, focado em materiais reaproveitados e na busca por alternativas sustentáveis para o planeta. Assim surgiu a AHLMA.

Com um ano e seis meses de vida, e três lojas abertas, o projeto está cada vez mais forte e revolucionário. O Hello Moto foi até a loja do bairro do Leblon, na zona sul carioca, que ganhou o nome inusitado de Academia da AHLMA, entender como o espaço equilibra mente, corpo e meio ambiente.

Enquanto conhece as peças feitas com tecidos descartados pelas grandes fábricas, você pode se deliciar com os alimentos orgânicos que o Marchezinho Café produz ou até lavar suas roupas na lavanderia sustentável que utiliza apenas sabão biodegradável. Para cuidar do corpo, a AHLMA conta com o Espaço AHTMA, que tem como foco a prática de ioga, mas também recebe ensaios de teatro e outros movimentos culturais.

Além de roupas próprias, o local conta com marcas parceiras e curadoria de brechós. Por isso, há sempre uma grande renovação de peças mensalmente, sem pensar na estação, mas sim no clima do momento. “Geralmente as coleções são produzidas com um ano de antecedência, e isso vai na contramão do mundo das tendências que está cada vez mais rápido”, explica Wesley, gerente da casa.

O interessante das roupas da marca é que poucas têm diferenciação entre masculino e feminino, ou seja, a maioria das peças podem ser usadas por todos, sem rótulos, daí vem a inspiração para o nome da loja, que “veste a alma das pessoas”, e não o gênero.

Uma das maiores motivações da AHLMA é se conectar com o Rio de Janeiro e mostrar para o público como uma consciência sustentável pode melhorar o bem-estar da cidade e do mundo.

O Instagram @ahlma.cc tem quase setenta mil seguidores e está sempre se atualizando com mensagens e pensamentos que definem seus princípios. Se você se identifica com essas ideias, vale a pena visitar uma das lojas, em especial a do Leblon, que fica em umas das ruas mais movimentadas do bairro.

Gostou? Então conheça mais iniciativas de moda sustentável em outras capitais do Brasil: Recife e Porto Alegre.

POSTS RELACIONADOS

motostyle
geek

Novas tecnologias e smartphones: o futuro em nossas mãos